DestaquesMato Grosso do SulNotíciasPovos Originários

Humberto de Mello Pereira se diz orgulhoso por encontrar a artesã Catarina Guató m audiência pública na Alems

“Tive o prazer em encontrar a artesã indígena Catarina Guató na Audiência Pública na Assembleia Legislativa, no início da tarde de hoje, 30, para a discussão da Lei do Pantanal” afirmou o Secretário Executivo de Agricultura Familiar, de Povos Originários e Comunidades Tradicionais da SEAF/SEMADESC, Humberto de Mello Pereira, em manifestação em sua página no Facebook.

Segundo ele, “a dona Catarina Guató recentemente recebeu homenagem da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul com o título de Doutor Honoris Causa”. Humberto diz que o título “é um dos maiores reconhecimentos concedidos pela Universidade às personalidades de destaque que contribuem ou contribuíram com a sociedade de distintas maneiras”.

Ainda, segundo ele, “Catarina Guató é reconhecida pelo trabalho em prol do fortalecimento da cultura do Mato Grosso do Sul, manutenção dos costumes da etnia Guató e conservação do Pantanal. Entre seus méritos, a anciã indígena é responsável por resguardar o artesanato guató, produzido com fibras de plantas aquáticas do Pantanal, e repassá-lo para as novas gerações” enfatizou Humberto de Mello Pereira que fez questão de mostrar a sua satisfação por ter desfrutado de alguns minutos ao lado da valorosa representante dos povos originários.

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo