Campo GrandeDestaquesEmpresasFixo

Mais de 40% das empresas abertas em janeiro no Estado estão em Campo Grande.

A Capital também ficou em segundo lugar entre as 27 do País com menor índice de desocupação, com taxa de 3,1%

Em janeiro, 862 empresas foram abertas em Mato Grosso do Sul, destas, 364 estão localizadas em Campo Grande, número que representa 42,23% do total criado no Estado. Os dados são da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems)

Para a prefeita da Capital, Adriane Lopes, os números são uma resposta às iniciativas de desenvolvimento econômico criadas pelo Município.

“Os dados mostram que a temos acertado nas iniciativas de fomento ao desenvolvimento econômico. Todos os meses vemos que Campo Grande abre mais empresas do que fecha, isso demonstra que o empresariado acredita na Capital e nas políticas públicas que estão sendo promovidas”, afirmou.

“Somado a isso, destaca-se o número de desocupação de Campo Grande (3,1%) que é inferior ao de grandes países desenvolvidos como Alemanha, Canadá e Austrália”, acrescenta o secretário municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Adelaido Vila.

Através da PNAD/Contínua (3º trimestre/2023) divulgada pelo IBGE, observa-se que Campo Grande situou-se em segundo lugar entre as 27 capitais com menor índice de desocupação, com taxa de 3,1%, muito abaixo da média nacional de 7,7% no mesmo período e também abaixo da média do Mato Grosso do Sul, de 4,0%.

“Quando chegamos a um nível de pleno emprego significa que estamos vivendo uma economia em constante expansão”, frisou o secretário.

Recorde no Estado

Em janeiro, o Estado atingiu o número recorde de empresas abertas para o mês, com 862 empresas abertas. O índice foi impulsionado pelo setor de Serviços, responsável por 579 novas empresas, seguido pelo Comércio, que teve 249 novas empresas e Indústria, com 34.

Além de Campo Grande, outros nove municípios “ganharam” empresas no primeiro mês do ano: Dourados (98), Três lagoas (52), Sidrolândia (23), Chapadão do Sul (22), Corumbá (19), Nova Andradina (17), Ponta Porã (17), Maracaju (13) e Paranaíba (13).

 

Fonte CE.

Redação Gdsnews.

 

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo